s
hidroterapia
Hidroterapia
A clínica
Tratamento
Serviços
Contato

Curiosidade sobre a Hidroterapia

Temperatura
Considerando para o devido protocolo uma variação da temperatura entre 32 a 33 graus. A água aquecida diminui a dor, espasmo muscular, rigidez. ”distrai” a dor, bombardeando o sistema nervoso; durante a imersão em água aquecida, os estímulos sensoriais estão competindo com os estímulos da dor.

Pressão Hidrostática
A lei de Pascal estabelece que a pressão do fluido é exercida igualmente sobre todas as áreas do corpo imerso a uma dada profundidade. A diferença de pressão hidrostática na posição vertical precipitará um movimento dos fluidos corporais da região distal para a proximal; uma reação diurética ocorrerá na imersão em decorrência da expansão do volume central que suprimirá o hormônio antidiurético e a combinação de pressão hidrostática e exercícios apropriados do membro aumentará a circulação. Todos esses fatores contribuirão para a reabsorção de edemas. A pressão hidrostática proporciona aos pacientes maiores períodos de reação antes que perca o equilíbrio, o que beneficia a reeducação de equilíbrio, o treino de marcha e a confiança do paciente. Oferece resistência na musculatura Respiratória.

Flutuação
Força que reage contra a força de gravidade, amenizando seus efeitos proporcionais ao nível da água. Pode ser de assistência, resistência ou de apoio. Essa força assiste qualquer movimento em direção a superfície da água. Quando a flutuação equivale à força de gravidade, qualquer movimento na horizontal é considerado de apoio. E de resistência se o corpo é movido para o fundo da piscina, ou em outras direções com velocidade ou flutuadores maiores. A flutuabilidade diminuirá a carga sobre as articulações sustentadoras, o que auxiliará na diminuição da dor. Além de auxiliar o movimento das articulações rígidas em amplitudes maiores com um aumento mínimo de dor. O sistema nervoso simpático é suprimido pela imersão, e conseqüentemente, diminuirá a percepção da dor.

Turbulência
Ocorre um movimento desordenado das moléculas do fluido, que causa redemoinhos reduzidos a pressão atrás do objeto em movimento que tende a segurá-lo. A turbulência ocorre quando um objeto desalinhado do ponto de vista hidrodinâmico move-se através de um fluido ou quando um objeto alinhado move-se através de fluido em velocidade maior do que sua velocidade crítica. A força de arrasto de um corpo é proporcional ao quadrado da velocidade, é importante compreender como pequenas modificações no tamanho, forma e velocidade de um relaxamento e propriocepção do paciente.

Densidade
O corpo humano possui densidade quase igual ao da água, o que permite uma flutuação parcial do ser humano. Então, para melhorar a flutuação e oferecer maior segurança, conforto e diminuir a tensão do paciente serão necessários o uso de flutuadores.

Viscosidade
É o atrito entre as moléculas de um líquido e que causa uma resistência a um corpo em movimento. Esse fator aumenta em 800 vezes a resistência em relação ao ar. É importante para o início da reeducação muscular, onde grupos musculares podem estar debilitados necessitando graduar a resistência.

Tensão superficial; orça por unidade de comprimento que atua através de qualquer linha em uma superfície e tende a atrair as moléculas de uma superfície de água exposta. Este não é um fato importante se o corpo estiver totalmente submerso, mas é um fator significante quando o membro “quebra” a superfície da água, principalmente em fraqueza muscular excessiva.

Telefone: (11) 4362-2470 / Tel/Fax: (11) 4177-4692
Rua Joaquim Osório Duque Estrada, 140 - Rudge Ramos - São Bernardo do Campo / São Paulo